Paul Sampaio

paul_terno_2_1“Tudo na vida pode ser perdido ou tirado de nós. Menos o conhecimento. Esse atravessa os tempos.”

Paul Sampaio

em  Lauro de Freitas, BA-2005

Paul Sampaio Chediak Alves

Fundador e Diretor da Bauru TV. Apresentador dos Programas Cultura Política, Recuperação e Programa do Joker

42 anos – Casado com Elizabete Toledo

Pai de Bianca Machado

Nasci no dia 24 de setembro de 1970, às 5 horas da manhã, no Hospital dos Servidores Públicos, bairro do Ibirapuera, em São Paulo.

Morei por 24 anos, até 1994, no bairro da Mooca, Sampa.

Estudei em um colégio de freiras até a 1ª série.

Da 2ª até a metade da 6ª série em uma escola pública do Estado (lembrando que estou usando a maneira como nós chamávamos os anos, por séries).

Do meio da 6ª até a 8ª no Dom Bosco, Instituto Salesiano São Francisco.

O colegial eu fiz no São Judas Tadeu, também na Mooca, como todos os outros. Me formei técnico em tradução e Interpretação.

Estudei Filosofia na USP. Morei no CRUSP (alojamento estudantil dentro da Cidade Universitária), e pelo Movimento Estudantil, criei o primeiro programa de rádio dos estudantes, dentro da própria rádio da Universidade, a Rádio USP FM.

Em São Paulo ainda, desde a adolescência, estive envolvido com micro-revistas e pequenas rádios, sempre em busca da oportunidade de cobrir os shows, conhecer os artistas. Assim, acabei nessa época, fazendo minhas primeiras entrevistas, em grandes festivais, como o Hollywwod Rock e o Rock in Rio. Foram muitos eventos e muitas entrevistas. Enfim, acabei fazendo minhas primeiras perguntas da vida jornalística pra gente com Robert Plant, Bon Jovi, Annie Lennox, Billy Idol … grande escola para aprender a manter o equilíbrio. As primeiras foram momentos bem nervosos … rsrss … depois acabaram virando mais de 1.000 até os dias de hoje, o que faz com que eu já saiba me preparar bem pro bate papo, e fazer direito a coisa.

Em 1992, estudei Ciências Políticas na Universidade de Concórdia, em Montreal, Canadá, em um intercâmbio com a USP. E estive também nos Estados Unidos, em duas épocas diferentes, em 92 e 96.

Em 1994, me mudei para Bauru, onde vivi até 1997.

Em Bauru, lecionei inglês durante dois anos (ofício que já era meu sustento desde 1989), e depois, em 1997, fiz uma programa no SBT centro-oeste paulista, chamado Classe. Era um semanal de 30 minutos, uma espécie de revista eletrônica, e chegava a 64 cidades da região. Nele eu apresentava, dirigia e até filmava de vez em quando.

De 1998 a 2009 morei na Bahia. Posso dizer muito pouco dessa fase da minha vida. Pelo menos ainda. Contudo, foi lá que experimentei as primeiras ousadias em linguagem de áudio e vídeo. Em 11 anos, filmei em Super VHS (era uma bruxa linda) vários carnavais. Conheci definitivamente o que é música. Fiz minhas entrevistas preferidas. E fiz rádio, por mais de 5 anos, tentando de tudo. Inclusive um programa de imitações, que está sendo repetido hoje, através de um personagem que criei para a Bauru TV, WEB TV sociopolítica que fundei.

Em 2009, voltei para Bauru, em busca de tratamento para o alcoolismo e dependência em drogas. Já não conseguia mais trabalhar, nem sobreviver. Logo no início da recuperação, que fiz na casa de parentes, recomecei a dar aulas de inglês e a retomar minha vida.

Em 2011 me casei, e por fim, devido a um acidente que me obrigou a ficar em casa durante um tempo, aprendi, mexendo, como trabalhar nos painéis de blog e site, e comecei a pensar de que maneira essas ferramentas poderiam ser úteis para as coisas que eu já gostava de fazer. E tudo, me levou de volta à televisão.cropped-300.jpg

sunny-waterfall

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s