Citações e Vídeos de Saint-Exupéry

“Tu te tornas eternamente responsável por aquilo que cativas.” – Antoine de Saint-Exupéry

foi um escritor, ilustrador e piloto da Segunda Guerra Mundial

(29 de junho de 1900, Lyon – 31 de julho de 1944, Mar Mediterrâneo)

  • saint-exupery
    Saint-Exupéry no Canadá em maio de 1942

    “Sinto falta do verde, o verde é o alimento moral, o verde mantém a suavidade das atitudes e a quietude da alma. Se tirar esta cor da vida, tudo ficará seco e mau. Os animais ferozes devem seu caráter unicamente ao fato de não viverem entre o verde. Eu, quando encontro um arbusto, tiro-lhe algumas folhas e meto-as no bolso. Depois em meu quarto, olho-as com amor e pego-as carinhosamente.”

– Antoine de Saint-Exupéry – Cartas do Pequeno Príncipe – Tradução de Magda Soares Guimarães. Belo Horizonte. Editora Itatiaia Ltda. p. 91
  • “Estou bastante orgulhoso com o sucesso de minhas ideias sobre a educação do pensamento. Aceita-se tudo, menos isto. A gente aprende a escrever, a cantar, a falar bem, a emocionar-se, nunca a pensar.”
– Antoine de Saint-Exupéry – Cartas do Pequeno Príncipe – Tradução de Magda Soares Guimarães. Belo Horizonte. Editora Itatiaia Ltda. p. 105
  • “O amor não consiste em olhar um para o outro, mas sim em olhar juntos para a mesma direção.”
– Terra dos Homens
  • “Cada um que passa em nossa vida, passa sozinho, mas não vai só, nem nos deixa sós; leva um pouco de nós mesmos, deixa um pouco de si mesmo.”
– citado em “Psicopedagogia – um modelo fenomenologico” – Página 179, Roseli Bacili Laurenti – Vetor Editora, 2004, ISBN 8575850652, 9788575850657 – 202 páginas
  • saint-exupery - o pequeno principe“Tu te tornas eternamente responsável por aquilo que cativas.”
– O Pequeno Príncipe – página 68-69, de Antoine de Saint-Exupéry, publicado por Editora Agir, 1986
  • “O significado das coisas não está nas coisas em si, mas sim em nossa atitude com relação a elas.”
– citado em “Sabedoria da Qualidade, A: os desafios dos fatores humanos” – Página 29, Jose Sergio Schirato – Senac, 2006, ISBN 8573594829, 9788573594829, 256 páginas
  • “O homem é, acima de tudo, aquele que cria.”
– citado em “Ideias sobre ideias mais de 500 pensamentos inspiradores sobre criatividade”‎ – Página 18, Roberto Menna Barreto, Summus Editorial, 2002,ISBN 8532307663, 9788532307668- 128 páginas
  • “O essencial é invisível aos olhos. Só se vê bem com o coração.”
– O Pequeno Príncipe
  • Antoine_de_Saint-Exupéry“Aqueles que passam por nós, não vão sós, não nos deixam sós. Deixam um pouco de si, levam um pouco de nós.”
– citado em “Frases Geniais”‎ – Página 175, Paulo Bacubaum, Ediouro Publicações, 2004, ISBN 8500015330, 9788500015335, 440 páginas
  • “Foi o tempo que perdeste com tua rosa que fez tua rosa tão importante.”
– O Pequeno Príncipe – página 69, de Antoine de Saint-Exupéry, publicado por Editora Agir, 1986
  • “Não confundas o amor com o delírio da posse, que acarreta os piores sofrimentos. Porque, contrariamente à opinião comum, o amor não faz sofrer. O instinto de propriedade, que é o contrário do amor, esse é que faz sofrer. (…) Eu sei assim reconhecer aquele que ama verdadeiramente: é que ele não pode ser prejudicado. O amor verdadeiro começa lá onde não se espera mais nada em troca.”
Cidadela
  • “Sua tarefa não é de prever o futuro, mas sim de o permitir.”
Cidadela
  • “Uma vez encontrado o caminho, o importante é segui-lo, e segui-lo até ao fim”
Voo Nocturno
  • Quando a gente lhes fala de um novo amigo, elas jamais se informam do essencial. Não perguntam nunca: “Qual é o som da sua voz? Quais os brinquedos que prefere? Será que coleciona borboletas?” Mas perguntam: “Qual é sua idade? Quantos irmãos ele tem? Quanto pesa? Quanto ganha seu pai?” Somente então é que elas julgam conhecê-lo. Se dizemos às pessoas grandes: “Vi uma bela casa de tijolos cor-de-rosa, gerânios na janela, pombas no telhado…” elas não conseguem, de modo nenhum, fazer uma idéia da casa. É preciso dizer-lhes: “Vi uma casa de seiscentos contos”. Então elas exclamam: “Que beleza!”

– O Pequeno Príncipe

  • saint-exupery“Claro que te farei mal. Claro que me farás mal. Claro que podemos, mas essa é a condição da existência. Receber a Primavera significa correr os riscos do Inverno. Se desistir agora será correr o risco do desaparecimento. Amo-te.”
– parte de uma carta escrita a Natalie Paley citada no livro “Sept lettres à Natalie Paley (1942 – 1943)
  • “É preciso que eu suporte duas ou três larvas se quiser conhecer as borboletas.”
– O Pequeno Principe – Página 34, Antoine de Saint-Exupéry – Ediouro Publicações, 1966, ISBN 856170621X, 9788561706210 – 96 páginas
  • “Aqueles que procuram agradar se enganam. Para agradar, tornam-se maleáveis, apressam-se a corresponder a todos os desejos. E acabam por trair-se em todas as coisas, para ser como os desejam. Que fazer com seres que não têm ossos nem forma?”
– Fonte: http://www.caras.uol.com.br – 5 de novembro de 2009 – EDIÇÃO 835 – Citações
Antoine de Saint-Exupéry – veja a biografia na Wikipédia
saint-exupery-escritor-ilustrador-e-aeronauta
Nome completo Antoine-Jean-Baptiste-Marie-Roger Foscolombe de Saint-Exupéry
Nascimento 29 de junho de 1900
Lyon, França
Morte 31 de julho de 1944 (44 anos)
Mar Mediterrâneo
Ocupação Escritor, ilustrador, piloto
Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s