Bernard Shaw é Nobel e Oscar

 

  • George Bernard Shaw,by Madame Yevonde“Um homem sábio é um preguiçoso que mata tempo com estudo.”

A learned man is an idler who kills time with study.

Man and superman: a comedy and a philosophy, Bernard Shaw – 1913 – 224 páginas

fonte: WIKIQUOTE


“Imaginar é o princípio da criação. Nós imaginamos o que desejamos, queremos o que imaginamos e, finalmente, criamos aquilo que queremos.”

George Bernard Shaw

_________________________________________________________

George Bernard Shaw

(Dublin, 26 de julho de 1856 — Ayot Saint Lawrence, 2 de novembro de 1950)

foi um dramaturgo, romancista, contista, ensaísta e jornalista irlandês.

Co-fundador da London School of Economics.

É autor de comédias satíricas que o tornaram espírito irreverente e inconformista.

Ele ficou mais irritado com o que percebeu como a exploração da classe trabalhadora.

Um socialista ardente, Shaw escreveu muitos folhetos e discursos para a Socialismo fabiano.

Ele se tornou um orador consumado na promoção de suas causas, que incluem a ganhar direitos iguais para homens e mulheres, aliviando os abusos da classe trabalhadora, rescindindo a propriedade privada de terras produtivas e promover estilos de vida saudáveis.

Por pouco tempo ele era ativo na política local, servindo no London County Council.

Ele é a única pessoa a ter sido premiado tanto um Prêmio Nobel de Literatura (1925) e um Oscar (1938), por suas contribuições para a literatura e para o seu trabalho no filme Pygmalion (adaptação de sua peça de mesmo nome), respectivamente.

Shaw quis recusar o Prémio Nobel diretamente, pois ele não tinha desejo de honrarias públicas, mas aceitou-a mando de sua esposa: ela considerou uma homenagem à Irlanda.

Ele rejeitou o prêmio em dinheiro, pedindo-lhe ser utilizado para financiar tradução de livros suecos para o Inglês.

wikipedia.org

Bernard_Shaw_1936-2


Outras Citação de SHAW

fonte: WIKIQUOTE


  • O homem razoável adapta-se ao mundo. Aquele desarrazoado persiste em tentar que o mundo se lhe adapte. Qualquer progresso, portanto, depende do homem desarrazoado.”
The reasonable man adapts himself to the world. The unreasonable one persists in trying to adapt the world to himself. Therefore all progress depends on the unreasonable man.

Man and superman: a comedy and a philosophy, Bernard Shaw – Brentano’s, 1903 – 244 páginas
  • Bernard_Shaw_1934-12-06“O que realmente deixa um homem lisonjeado é o fato de você o considerar digno de adulação”.
What really flatters a man is that you think him worth flattering.

The Works of Bernard Shaw‎ – Página 169, de Bernard Shaw – Publicado por Constable, 1930
  • “A vida é oferecida para mim como a condição de comer bife, mas a morte é melhor que o canibalismo.”
Life is offered to me on condition of eating beefsteaks. … But death is better than cannibalism

Selected Non-dramatic Writings‎ – Página xi, de Bernard Shaw, Dan H. Laurence – Publicado por Houghton Mifflin, 1965 – 455 páginas
  • “Quando um homem quer matar um tigre, chama a isso desporto; quando é o tigre que quer matá-lo, chama a isso ferocidade. A distinção entre crime e justiça não é muito grande.”
When a man wants to murder a tiger, he calls it sport: when the tiger wants to murder him, he calls it ferocity. The distinction between crime and justice is no greater.

Nine plays‎ – Página 735, de Bernard Shaw – publicado por Dodd, Mead & Company, 1935 – 1147 páginas
  • “O pior pecado contra nosso semelhante não é o de odiá-los, mas de ser indiferentes para com eles.”
The worst sin towards our fellow creatures is not to hate them, but to be indifferent to them

The devil’s disciple: a melodrama – página 32, Bernard Shaw, Brentano’s Publishers, 1906, 86 páginas
  • “Há uma única religião, embora haja centenas de versões da mesma.”
There is only one religion, though there are a hundred versions of it.

Man and Superman and Three Other Plays – Página 109, George Bernard Shaw – Spark Educational Publishing, 2003, ISBN 1593080670, 9781593080679 – 576 páginas
  • “O dinheiro é a coisa mais importante do mundo. Ele representa saúde, força, honra, generosidade e beleza tão ostensiva e inegavelmente como querê-lo representadoença, fraqueza, desgraça, maldade e fealdade.”
Money is the most important thing in the world. It represents health, strength, honor, generosity and beauty as conspicuously and undeniably as the want of it represents illness, weakness, disgrace, meanness and ugliness.

John Bull’s other island: and Major Barbara – página 171, Bernard Shaw – Brentano’s, 1907 – 311 páginas
  • “O castigo do mentiroso, além de ninguém acreditar nele, é ele não poder mais acreditar nos outros.”
Just as the liar’s punishment is, not in the least that he is not believed, but that he cannot believe any one else

The quintessence of Ibsenism – página 2, Bernard Shaw – Benj. R. Tucker, 1891 – 170 páginas
  • “É impossível haver progresso sem mudanças, e aqueles que não conseguem mudar suas mentes nada mudam.”
Progress is impossible without change, and those who cannot change their minds cannot change anything.

Everybody’s political what’s what – página 330, Bernard Shaw – Dodd, Mead, 1944 – 380 páginasbernard_shaw
  • Supõe-se que a mulher deve esperar, imóvel, até que ela seja cortejada. Melhor, ela muitas vezes espera imóvel. Isso é como a aranha espera pela mosca.
It is assumed that the woman must wait, motionless, until she is wooed. Nay, she often does wait motionless. That is how the spider waits for the fly.

Man and superman: a comedy and a philosophy – página xix, Bernard Shaw – Brentano’s, 1903 – 244 páginas
  • “Não temos mais direito de consumir felicidade sem produzi-la do que consumir riqueza sem produzi-la.”
We have no more right to consume happiness without producing it than to consume wealth without producing it

Plays: Pleasant and Unpleasant: Containing the four pleasant plays. Arms and the man. Candida. The man of destiny. You never can tell – página 213, Bernard Shaw – Brentano’s, 1898
  • “As pessoas sempre culpam as circunstâncias por o que são. Não acredito em circunstâncias: as pessoas que seguem em frente neste mundo são aqueles que se levantam e procuram pelas circunstâncias que desejam, e se não as encontram, criam-nas.”
People are always blaming their circumstances for what they are. I do not believe in circumstances. The people who get on in this world are the people who get up and look for the circumstances they want, and if they cannot find them, make them.

Plays pleasant and unpleasant – Volume 1, página 201, Bernard Shaw – H.S. Stone, 1898
  • “Cuidado com o homem cujo deus está no céu.”
Beware of the man whose god is in the skies.

Man and Superman: a comedy and a philosophy – Página 257, George Bernard Shaw, Bernard Shaw, Dan H. Laurence – Penguin Classics, 2000, ISBN 0140437886, 9780140437881- 264 páginas
  • “O soldado inglês pode resistir a tudo, mas não ao Ministério de Guerra Inglês.”
The British soldier can stand up to anything except the British War Office.

Three plays for puritans – página 84, Bernard Shaw – Herbert S. Stone, 1900 – 315 páginas
  • “Não faças aos outros aquilo que gostarias que te fizessem a ti. Seus gostos podem não ser os mesmos.”
Do not do unto others as you would that they should do unto you. Their tastes may not be the same.

Man and superman: a comedy and a philosophy – página 227, Bernard Shaw – Brentano’s, 1903 – 175 páginas
  • “Nenhum homem é suficientemente bom para ser o senhor de outro.”
no man is good enough to be another man’s master.

John Bull’s other island: and Major Barbara – página lxi, Bernard Shaw – Brentano’s, 1907 – 311 páginas
  • “A virtude não consiste em nos abstermos dos vícios, mas de não os desejarmos.”
Virtue consists, not in abstaining from vice, but in not desiring it.

Man and superman: a comedy and a philosophy – página 235, Bernard Shaw – Brentano’s, 1903 – 175 páginas
  • “Liberdade significa responsabilidade. É por isso que a maioria dos homens teme-a.”
Liberty means responsibility. That is why most men dread it.

Man and superman: a comedy and a philosophy – página 273, Bernard Shaw – Brentano’s, 1903 – 244 páginas
  • “Do modo como a concebemos, a vida doméstica não é mais natural para nós do que uma gaiola é natural para uma cacatua.”
Home life as we understand it is no more natural to us than a cage is natural to a cockatoo.

Getting married, Bernard Shaw – 1908
  • “Não há satisfação em enforcar um homem que não faz objeção a isso.”
There is no satisfaction in hanging a man who does not object to it

Plays: Pleasant and Unpleasant: Containing the four pleasant plays. Arms and the man. Candida. The man of destiny. You never can tell – página 294, Bernard Shaw – Brentano’s, 1898
  • “O fato de um crente ser mais feliz que um cético não é mais pertinente que o fato de um homem bêbado ser mais feliz que um sóbrio.”
The fact that a believer is happier than a sceptic is no more to the point than the fact that a drunken man is happier than a sober one.

Androcles and the lion: Overruled; Pygmalion – página cxvi, Bernard Shaw – Brentano’s, 1916 – 224 páginas
  • “A razão escraviza todas aquelas mentes que não são suficientemente fortes para a dominarem.”
Reason enslaves all whose minds are not strong enough to master her.

Man and superman: a comedy and a philosophy – página 238, Bernard Shaw – Brentano’s, 1903 – 244 páginas
  • “Todas as grandes verdades começaram como blasfêmias.”
All great truths begin as blasphemies.

Heartbreak house: Great Catherine, and playlets of the war. By Bernard Shaw, Volume 7 – página 289, Bernard Shaw – Brentano’s, 1919 – 295 páginas
  • “Aquele que o pode, faz. Aquele que não o pode, ensina.”
He who can, does. He who cannot, teaches.

Man and superman: a comedy and a philosophy – página 230, Bernard Shaw – Brentano’s, 1903 – 244 páginas
  • “Ele nada sabe; e ele pensa que tudo sabe. Isso aponta claramente para uma carreira política.”
He knows nothing; and he thinks he knows everything. That points clearly to a political career.

John Bull’s other island: and Major Barbara – página 279, Bernard Shaw – Brentano’s, 1907 – 311 páginas
  • “Aprecio a convalescença! É a parte que faz a doença valer a pena!”
I enjoy convalescence. It is the part that makes the illness worth while

Back to Methuselah: A metabiological pentateuch – Volume 2, página 68, Bernard Shaw – Brentano’s, 1921 – 300 páginas
  • “Eu sou um Milionário. Esta é minha religião.”
I am a Millionaire. That is my religion.

John Bull’s other island and Major Barbara – página 242, Bernard Shaw – Brentano’s, 1907 – 311 páginas
  • George Bernard Shaw -photo Alamy“Exceto durante os nove meses antes de seu primeiro respiro, nenhum ser humano administra suas coisas tão bem quanto uma árvore.”
Except during the nine months before he draws his first breath, no man manages his affairs as well as a tree does.

Man and superman: a comedy and a philosophy, Bernard Shaw – Brentano’s, 1903 – 244 páginas
  • “Homens ricos ou aristocratas com um desenvolvido senso de vida – homens como Ruskin e William Morris e Kropotkin – têm enorme apetite social e muitas exigências pessoais. Eles não se contentam com belascasas: querem cidades bonitas. Eles não se contentam com esposas cheias de diamante e filhas em flor: eles se queixam porque a faxineira está mal vestida, porque a lavadeira cheira a gim, porque a costureira é anêmica, porque todo homem que encontra não é um amigo e cada mulher não é um romance. Eles torcem o nariz com o dreno de seus vizinhos, e sofrem com a arquitetura das casas de seus vizinhos.”
Rich men or aristocrats with a developed sense of life — men like Ruskin and William Morris and Kropotkin — have enormous social appetites and very fastidious personal ones. They are not content with handsome houses: they want handsome cities. They are not content with bediamonded wives and blooming daughters: they complain because the charwoman is badly dressed, because the laundress smells of gin, because the sempstress is anemic, because every man they meet is not a friend and every woman not a romance. They turn up their noses at their neighbors’ drains, and are made ill by the architecture of their neighbors’ houses.

Major Barbara: with an essay as first aid to critics – página 17, Bernard Shaw – Brentano’s, 1913 – 159 páginas
  • “Na qualidade de grande defensor da liberdade e independência, conquista metade do mundo e chama isso de colonização. Quando precisa de um novo mercado para seus produtos desqualificados de Manchester, envia um missionário para ensinar o evangelho da paz. Os nativos matam o missionário, e correm às armas, em defesa da Cristandade, e se apossa do mercado como uma dádiva dos Céus.”
Homem do destino
  • “Vós nunca terais um mundo tranquilo até nocauteeis o patriotismo da raça humana.”
You’ll never have a quiet world till you knock the patriotism out of the human race.

Heartbreak house: Great Catherine, and playlets of the war. By Bernard Shaw, Volume 7 – página 195, Bernard Shaw – Brentano’s, 1919 – 295 páginas

GALERIA do POST

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s